IFF sorteia alunos classificados para curso de edificações no Campus Maricá

0
1659
IFF sorteia alunos classificados para curso de edificações no Campus Maricá

O Instituto Federal Fluminense (IFF) do campus avançado Maricá, em parceria com a Secretaria Municipal Adjunta de Educação, realizou na manhã desta terça-feira (10/02) o sorteio público dos alunos classificados para ingressar no primeiro ano do curso técnico integrado ao ensino médio por eixo tecnológico na área de infraestrutura. No todo, foram 68 vagas preenchidas para o curso técnico de Edificações, de horário integral, conforme previsto no edital nº 08, de 19 de janeiro de 2015. Participaram do sorteio 302 candidatos, que se inscreveram por meio do site do instituto, no período de 20/01 a 03/02.

O diretor geral do campus avançado Maricá do IFF, César Luiz de Azevedo Dias, destacou a importância do processo seletivo. “Esse é um momento importante para a cidade.  Estamos nos esforçando para honrar nosso compromisso de ter a escola em pleno funcionamento e oferecer uma educação de qualidade para os alunos”, explicou o diretor, acrescentando que a unidade irá atender, aproximadamente, 140 alunos. “Além das 68 vagas oferecidas para esse curso, também iremos absorver mais de 70 alunos oriundos do 2º ano do Curso de Edificações, que antes era oferecido pelo CEM Joana Benedicta Rangel”, declarou. As aulas terão início no dia 23/02, no turno diurno.

Respeitando a lei de cotas (Lei nº 12.711, de 29/08/12), foram sorteadas 34 vagas para alunos oriundos de escolas públicas, negros, indígenas ou pardos e mais 34 de ampla concorrência. Já com vistas no cadastro de reserva, também foram sorteados os alunos que poderão ser chamados em caso de reclassificação. As vagas não preenchidas nessa primeira convocação ou o aluno que tiver apresentado documentação e/ou informações falsas, fraudulentas ou quaisquer outros meios ilícitos ou os alunos que não frequentarem os primeiros dez dias letivos e não encaminharem nenhuma justificativa  serão substituídos por meio de reclassificação. O IFF liberará uma lista de convocação no dia 03 de março, com matrícula prevista para ser feita no dia 05 de março. O curso tem duração de três anos e o aluno aprovado receberá o diploma de técnico, que também terá validade de certificado de conclusão do ensino médio.

Matrícula

O IFF vai liberar na próxima quarta-feira (11/02) a lista final de classificação no site www.iff.edu.br. Para efetuar a matrícula, os alunos contemplados devem ir até o campus Maricá, nos dias 12 e 13 de fevereiro, das 10h às 11h ou das 14h às 16h30, com original e cópia dos seguintes documentos: histórico escolar do Ensino Fundamental (1º grau), certidão de registro civil de nascimento ou casamento, cédula de identidade, CPF, uma foto 3X4, e documentos comprovatórios para as vagas reservadas às cotas (apenas para os candidatos convocados para ocupar as vagas reservadas às cotas). Caso seja menor de 18 anos, o aluno deverá comparecer acompanhado do responsável munido de CPF e identidade. O campus Maricá do IFF funciona na Rua dos Quintanilhas, 438, bairro Pedreiras (antigo IBEC). Para outras informações, podem entrar em contato pelo telefone (21) 2637-2863.

Contemplados

A aluna Giullia Araújo da Costa, de 15 anos, foi uma das contempladas. Muito entusiasmada, ela já faz planos para ingressar no mercado de trabalho. “Quero aprender tudo que tenho direito para começar a trabalhar e também poder fazer uma faculdade de Engenharia. O mercado de construção está em amplo crescimento em nossa cidade e eu não podia perder essa chance”, destacou a aluna. Mais feliz do que ela, estava sua mãe Cristiane Araújo, que não acreditava com a conquista. “Minha sobrinha faz o curso de Edificações e já conseguiu um bom estágio remunerado numa empresa no ramo da construção civil. É um sinal de que esse mercado é bom e está empregando. E é esse futuro que quero para minha filha. Saber que, por meio de seus méritos, ela terá uma profissão digna e um caminho certo para seguir”.

Bruna de Moura Alves, de 15 anos, também estava acompanhada da mãe, Tatiana Santana de Moura. Ex-aluna da Escola Municipal Antônio Lopes da Fontoura, Bruna estava com receio de não conseguir a vaga e ter que ir morar em outra cidade. “Esse curso não poderia ter vindo em melhor hora. Agora não precisarei mais me mudar para estudar. Poderei continuar aqui junto com a minha família e quem sabe, quando estiver mais madura, pensarei em fazer faculdade de Engenharia ou Direito”.

Pai do futuro aluno Vitor de Freitas Bastos de Sá, Emerson Bastos de Sá também participou do sorteio e comemorou ao ouvir o nome do filho. “Vejo aqui a esperança de um futuro digno para o meu filho. Há dois meses, ele voltou a morar comigo porque não estava satisfeito com a o estilo de vida que ele estava levando ao morar com a mãe no Rio. Agora tenho a certeza de que ele vai vencer e poderá sonhar com uma vida melhor”.