Foto: Marcos Fabrício

Moradores da localidade conhecida como Quarentinha, na Mumbuca, participaram de mais uma reunião preparatória para a regularização fundiária realizada pela Secretaria de Habitação e Assentamentos Humanos. Cerca de 25 famílias vivem em uma área que pertencia à antiga Rede Ferroviária Federal. As moradias ficam na Rua Mumbuca, onde antes passava o leito da estrada de ferro.

Como ocorre em outros locais que passam pelo mesmo processo, a secretária Rita Rocha explicou aos moradores como funciona a tramitação para obtenção dos títulos de posse definitiva e também as melhorias que podem ser feitas no local. “Aqui o processo foi aberto em anos anteriores mas não teve continuidade. Queremos resgatar os cadastros antigos dos moradores que já fizeram, mas sabemos que muita gente não está mais nas casas. Por isso, é bom que as pessoas compareçam às reuniões”, explicou Rita.

Os moradores também puderam reconhecer no mapa onde estão suas casas, algumas com mais de quatro décadas no local. “Quando vim para cá ainda havia apenas barracos, depois é que fomos melhorando. Hoje tem casas de três e até quatro quartos, grandes mesmo. Tomara que tenhamos mesmo tudo no papel, direitinho, como tem que ser”, disse a aposentada Hermínia Olímpia da Silva, de 77 anos, que está na quarta geração da família criada nos 20 anos vivendo ali.

Com um pouco menos de tempo, o padeiro Clemilson Lima que mora no Quarentinha há 16 de seus 41 anos de vida falou sobre os outros processos abertos antes e disse que acredita numa solução definitiva. “É isso que queremos aqui, ter nosso documento na mão”, frisou o morador.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here