Maricá brilha e leva 8 ouros no Brasileiro de Tiro com Arco

0
598
Brasileiro de Tiro com Arco reuniu cerca de 100 atletas de seis estados no Centro de Treinamento de Maricá

O Clube Arqueiro da Íris, com sede em Maricá, foi o grande vencedor do 8º Campeonato Brasileiro de Tiro com Arco, competição que reuniu cerca de 100 atletas de seis estados brasileiros na sede da Confederação Brasileira de Tiro com Arco (CBTArco), no bairro de Itapeba. Graças a um projeto conjunto entre a Prefeitura e a Confederação, a cidade se transformou na referência nacional do esporte, revelando promessas olímpicas para a Rio 2016 como o já premiado internacionalmente Marcos Vinicius D´Almeida (ouro na categoria Recurvo Cadete), Stephany Rosa (bronze na categoria Recurvo Cadete equipe mista, ao lado do próprio Marcos) e Marcelo da Silva Costa Filho (ouro na categoria Recurvo Cadete equipe mista, ao lado de Alice Simões), entre outros.

As provas começaram na última quinta-feira (08/10) e foram encerradas no domingo (11/10). A equipe maricaense conquistou oito das dez medalhas de ouro em disputa, além de quatro medalhas de prata e duas de bronze. De acordo com o coordenador técnico da entidade, Eros Fauni, a competição reuniu os maiores atletas em atividade no Brasil atualmente em três categorias: Infantil, Cadete e Juvenil. "Os atletas de Maricá continuam se destacando e acreditamos que a continuidade deste trabalho gerará bons frutos ainda neste ano, e com boas perspectivas para termos representantes na Rio2016”, ressaltou Eros. O secretário municipal adjunto do Esporte, Leonardo Souza, também acompanhou as competições. 

O projeto do Tiro com Arco em Maricá foi iniciado com a cessão, pela Prefeitura, do terreno onde hoje funciona o Centro de Treinamento da Confederação. Além disso, o município adquiriu os equipamentos importados – através de convênio com o Ministério do Esporte – para que os atletas pudessem competir em nível de igualdade com os melhores do mundo (o que efetivamente vem acontecendo) e ainda custeia salários de treinadores e viagens de delegações para competições. Marcus Vinicius, Marcelo, Stephany, Alice, Kauam Silva, Jhonata Reis e vários outros talentos foram descobertos pelos técnicos da confederação nas salas de aula das escolas municipais da cidade.