Prefeitura inicia plantio de 2.200 mudas em Área de Preservação Ambiental de Maricá

0
615
Prefeitura inicia plantio de 2.200 mudas em Área de Preservação Ambiental de Maricá

A Prefeitura de Maricá deu início, na manhã desta segunda-feira (23/03), ao plantio de 2.200 mudas de espécies nativas da Mata Atlântica com o objetivo de recuperar uma Área de Preservação Permanente (APP), no bairro Manu Manuela, às margens do Rio Cajueiros. A ação, realizada pelas Secretarias Municipais Adjuntas de Ambiente e de Obras, faz parte do programa “Maricá + Verde”, que tem como objetivo o reflorestamento de matas ciliares e áreas devastadas para recomposição da cobertura vegetal do município, além de espaços verdes em escolas, hospitais e espaços públicos.

O plantio da área de, aproximadamente, 7500 m² está sendo executado por oito funcionários da Prefeitura com apoio da população. Respeitando uma distância de 1,5 metro entre as mudas, estão sendo plantadas 20 espécies diferentes de árvores nativas da Mata Atlântica, como: ingá amendoim, ingá-banana, pitanga, araça roxo, carrapeteira, jacarandá mimoso, entre outros. Além do plantio, a Secretaria Municipal Adjunta de Ambiente também ficará responsável pela manutenção e monitoramento do crescimento das mudas, com a realização de serviços periódicos de roçagem e capina. A previsão é de que leve, aproximadamente, cinco anos para que as espécies atinjam a fase adulta de crescimento.

De acordo com o secretário municipal adjunto de Ambiente, Guilherme Mota, o plantio de um grande número de espécies tem como objetivo gerar diversidade florística, com a proposta de criar uma floresta ciliar nativa. “As florestas com maior diversidade apresentam maior capacidade de recuperação de possíveis distúrbios, melhor ciclagem de nutrientes, maior atratividade à fauna, maior proteção ao solo de processos erosivos e maior resistência a pragas e doenças”, declarou.

Ainda segundo o secretário, as mudas que estão sendo utilizadas têm origem em compensações ambientais referentes à supressão de indivíduos arbóreos em Maricá. “Pretendemos reflorestar diversas áreas no município de Maricá. Desejo que, em um futuro bem próximo, a população se torne cada vez mais consciente da importância da preservação de matas ciliares. Sabemos que, infelizmente, não podemos voltar no tempo para evitar tamanha degradação, mas que podemos, por meio da recuperação da vegetação nas matas e com a parceria da população, fazer uma Maricá bem melhor”, explicou Guilherme.

Desde o lançamento do “Maricá + Verde” há um ano, já foram plantadas 3.729 mudas no município em diferentes bairros dos quatro distritos de Maricá (Centro, Ponta Negra, Inoã e Itaipuaçu), além de ações em parceria com as secretarias municipais adjuntas de Educação e para a Terceira Idade, realizadas em escolas privadas e públicas da cidade.  Com este plantio, se chegará a quase seis mil mudas.​