Prefeitura e Pronatec iniciam cursos profissionalizantes em Maricá

0
994
Recepcionista e Montador e Reparador de Computadores são os novos cursos oferecidos

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, em parceria com o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), iniciou nesta segunda-feira (15/09) mais uma etapa do FIC (Programa de Formação Inicial e Continuada), com a execução de dois cursos profissionalizantes: Recepcionista e Montador e Reparador de Computadores. A aula inaugural foi ministrada pelo técnico do SEST/SENAT, Antônio Assaf. Essa é a sexta etapa do programa em Maricá.

Duas turmas de 32 alunos foram formadas e cada aluno recebeu um kit com apostila, lápis, caderno, duas camisetas, auxílio passagem de R$60 semanais e lanche. No final, os estudantes que tiverem mais de 75% de frequência e média acima de cinco receberão certificado de conclusão. Durante os cursos, com duração de 160 horas/aula, serão aplicados testes e tarefas dentro de sala. Os cursos são gratuitos e realizados de segunda a sexta-feira, das 18h às 22h, no CAIC Elomir Silva, em São José do Imbassaí – Marine.

O secretário municipal de Assistência Social, Jorge Castor, a subsecretária Laura Vieira, e a coordenadora municipal dos Programas de Ensino Profissionalizante, Tereza Marques, além de Antonio Assaf, técnico de Formação Profissional do SEST/SENAT, se pronunciaram sobre a importância da oferta dos cursos profissionalizantes. “Há anos, vimos buscando uma parceria com o Sistema S e conseguimos. Já realizamos vários cursos do Pronatec e pretendemos trazer cursos de outros setores do Sistema S (Senai, Senac, Sesc, Sesi, Senar). Aproveitem ao máximo, pois quem tem um certificado do Sistema S, já ganha pontos em uma entrevista para emprego”, adiantou Tereza Marques.

A subsecretária de Assistência Social, Laura Vieira, comentou que o município, em parceria com o governo federal, tem oferecido cursos gratuitos que na esfera particular não saem barato. “A educação não ocupa espaço. É um patrimônio que ninguém pode tirar de vocês”, enfatizou. “O propósito do prefeito Washington Quaquá é capacitar a população para que não precisemos importar mão de obra qualificada para os grandes empreendimentos que estão sendo implantados em Maricá”, acrescentou o secretário Jorge Castor, citando o Porto de Jaconé. “Vamos trazer cursos para Maricá também na área de petróleo e gás. Portanto, dediquem-se ao estudo, invistam na oportunidade que está sendo oferecida a vocês”, finalizou Castor.

A aluna Maria José dos Santos Silva, de 35 anos, casada, mãe de duas filhas e moradora de Inoã, estava radiante. “Estou desempregada há meses e, com o curso, terei mais chance de conseguiu emprego”, garantiu.