Prefeitura disponibiliza programa para medir emissão de gás carbônico da população

0
450
Uma das iniciativas ecológicas do município é o projeto "Maricá + Verde", com 2.630 mudas plantadas desde março

Iniciativa pioneira integra a Política Municipal de Atenuação do Aquecimento Global

A Prefeitura de Maricá disponibilizou em seu site (veja aqui) um programa pioneiro que ajudará a medir quanto cada cidadão brasileiro emite de gás carbônico (CO²) por ano. As pessoas preenchem a tabela e o programa indicará quantas árvores são necessárias – segundo dados da Secretaria Municipal de Ambiente, cada árvore equivale a 180 kg de CO² – para compensar o dano ambiental causado, principalmente, pela queima de combustíveis fósseis, como gasolina, diesel, querosene de aviação, carvão mineral (para geração de energia elétrica via termelétricas) e gás. A iniciativa integra a Política Municipal de Atenuação do Aquecimento Global, da Lei Orgânica da cidade, aprovada em junho deste ano.

O secretário municipal de Ambiente, Tiago de Paula, que colaborou com a formulação da política municipal, salienta que este programa pode ser utilizado por qualquer município, entidade ou pessoa física. "É livre para o uso. Qualquer um pode aplicar esse trabalho que foi desenvolvido pela secretaria", afirmou Tiago. "De todo o gás carbônico que cada pessoa emite, 40% estão relacionados ao uso do automóvel. A solução é andar menos de carro e, quando o fizer, optar pelo etanol como combustível. É importante que todos tenham consciência ambiental para diminuir o efeito estufa na atmosfera", completou.

Outras medidas ecologicamente corretas já estão em execução na cidade, como o projeto "Maricá + Verde" (com 2.630 mudas plantadas desde março), intensificação de esforços para a preservação das Unidades de Conservação e a eliminação de pontos críticos do passivo ambiental, como é o caso da remediação do antigo aterro municipal, fechado definitivamente em 2013. O projeto de recuperação da área está sendo elaborado pela secretaria.