Maricá homenageia cultura negra com rodas de capoeira e danças africanas

0
1477

Apresentações de rodas de capoeira e de dança africana marcaram nesta quinta-feira (28/11) o “Marikafro Capoeira Fest”, organizado pela subsecretaria de Diversidade Racial, da secretaria de Direitos Humanos e Cidadania de Maricá, e que integra o Marikafro (criado pela subsecretaria para valorizar a cultura africana).

A atividade desta quinta-feira foi uma homenagem a Valdir Calado, o mestre Dico, que oferece aulas de capoeira desde 1987 na cidade e que já formou mais de mil alunos, entre professores e instrutores do esporte.

Realizado no anfiteatro da Praça Dr. Orlando de Barros Pimentel, no Centro, o “Marikafro Capoeira Fest” reuniu cerca de 200 participantes com apresentações de danças africanas – frevo, maracatu, samba de roda e jongo do Grupo Independente de Capoeira de Araruama, do mestre Cavalo – e de rodas de capoeira dos grupos dos mestres Ligeirinho e Peroba, ex-alunos do mestre Dico. O evento ainda contou com apresentações do Coral Alegria de Viver, da secretaria municipal de Ações para Idosos, e da banda do Colégio Estadual Professor Francisco de Paula Achilles de São Gonçalo.  

No último dia 20 de novembro, a subsecretaria promoveu também o “Marikafro Fashion”, desfile de beleza negra no Esporte Clube Maricá. As atrações integraram a programação de novembro em comemoração ao Dia da Consciência Negra (20/11).