Educação de Maricá cria "Matrícula Inteligente" pela internet

0
6624

A secretaria municipal de Educação de Maricá anunciou nesta segunda-feira (15/07) na Casa Digital, no Centro, o início do programa Matrícula Inteligente, que agilizará, através do preenchimento de um formulário on-line, o processo de matrículas na rede escolar do município.

O sistema está em fase final de testes, foi desenvolvido por técnicos da área de Tecnologia da Informação da própria Prefeitura e, esta semana (até a próxima sexta-feira, 19/07), já está disponível para a pré-matrícula dos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) de cinco escolas.

A confirmação de matrícula será no período de 22 a 26/7, presencialmente. As cinco escolas beneficiadas inicialmente com a pré-matrícula online são a E.M. João Monteiro de Barros (Itaipuaçu); Darcy Ribeiro (Inoã); Reginaldo Domingues (Ponta Negra); Joana Benedicta Rangel e Carlos Magno Le Gentil de Mattos (Centro).  

Segundo a secretária municipal de Educação, Marta Quinan, a previsão é que a matrícula inteligente passe a valer para toda a rede municipal no próximo período letivo. “Até o fim do ano valerá para toda a rede. Isso significa que as pré-matrículas para o primeiro semestre de 2014 já poderão ser feitas pela intenet”, esclarece a secretária. “É um avanço tecnológico, mais uma comodidade para pais e alunos e uma prova de que a educação é uma constante prioridade da atual administração,” acrescentou Marta, que estava acompanhada da subsecretária de Administração Educacional, Adriana Luíza.

Transferência de tecnologia

O gerente de desenvolvimento de Tecnologia da Informação da prefeitura, Victor Silveira, informou que o projeto foi criado em parceria com técnicos da secretaria de Educação. “Foram quatro meses de dedicação. Há dois anos, a Prefeitura vem investindo na modernização da administração, com base em softwares de uso público, pelo Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos, o PMAT, que é um financiamento do BNDES”, explica Victor, acrescentando que a ideia da ferramenta de matrícula online foi criada em Maricá e servirá de inspiração para outros municípios que já utilizam ou que vierem a aderir ao mesmo software. “A expectativa é que em breve a gente esteja transferindo tecnologia”, comemorou.

Já o coordenador de Desenvolvimento de Tecnologia da Informação da secretaria municipal de Educação, Flavio Consoline Ferreira, apresentou na cerimônia detalhes do projeto-piloto. Ele explicou, por exemplo, que o candidato preenche o cadastro on-line em apenas cinco passos. “A pessoa informa alguns dados pessoais e números de documentos e escolhe previamente a unidade escolar em que deseja fazer a matrícula”, disse. Depois, por e-mail, a secretaria envia uma mensagem com a unidade escolar onde cada usuário fará a matrícula. “O aluno ou pai de aluno só sai de casa para levar a documentação até a escola”, ressalta.